Islândia é o adversário de Portugal no «play-off» de acesso ao Mundial de França – 2017

PUB

Portugal vai defrontar a Islândia, 13.ª classificada no Campeonato da Europa que hoje termina na Polónia, é o adversário de Portugal nos jogos do «play-off» de apuramento europeu para o Campeonato do Mundo de 2017 que vai decorrer no próximo ano em França.

A ‘bolinha’ com o nome de Portugal foi a 12.ª a sair do pote, imediatamente à Islândia, o que determinou que o segundo jogo vá disputar-se em Portugal.

Presente em Cracóvia, a convite da EHF, o presidente da Federação de Andebol de Portugal pronunciou-se de imediato sobre o sorteio, no que diz respeito à tarefa que espera a formação nacional.

«Estamos perante uma boa oportunidade para fazer regressar Portugal aos grandes palcos. Tudo faremos para a aproveitar», começou por referir o presidente da FAP.

«Sorteio é sorteio, temos de concretizar esta velha ambição no terreno de jogo. É um gosto poder fazer o segundo jogo em Portugal. Vamos lutar muito para dar a Portugal entrada nos palcos mais importantes».

Ulisses Pereira recorda que «a Islândia esteve neste Europeu, e foi a única formação que, no tempo regulamentar, venceu a Noruega. Conhecemos-nos bem e estou convicto que vão ser dois jogos muito intensos. Era bom que tivéssemos também aquela pontinha de sorte que nos tem faltado nas últimas competições».

ROLANDO FREITAS

«Vamos encarar este ‘play-off’ de uma forma positiva»

O seleccionador nacional, Rolando Freitas, sabia que fosse qual fosse o adversário que calhasse em sorte a Portugal, o facto de haver dois potes distintos e Portugal estar colocado no pote 2, o sorteio nunca destinaria uma missão fácil ao combinado luso.

“Já sabíamos que o sorteio seria sempre muito difícil, dado o valor das seleções que constituíam o pote 1. Ainda assim, adversários como a Dinamarca, ou até a Croácia, eram aqueles que queríamos evitar em absoluto. Antes do sorteio, sempre referi que tínhamos de nos dar como satisfeitos com a sorte que nos viesse a calhar e trabalhar a partir daí“, começou por analisar Rolando Freitas.

O sorteio ditou a Islândia, que marcou presença no Europeu que hoje termina, embora não se tenha apurado para o ‘main-round’.

«Devemos levar em consideração que a Islândia não se apurou para o ‘main-round’ deste Europeu por escassos dois golos, sendo – até aos jogos das finais – a única equipa a derrotar a Noruega, que foi claramente a grande surpresa deste Europeu pela qualidade do jogo apresentado», recorda Rolando Freitas para depois recordar os jogos realizados mais recentemente entre as duas seleções.

«Tivemos oportunidade de, no último ano e meio, realizar cinco jogos particulares com a Islândia, dos quais ganhámos dois e perdemos três. Este histórico recente espelha bem as dificuldades que poderemos vir a encontrar mas ao mesmo tempo dá-nos alento para encarar este play-off de uma forma positiva».

O seleccionador nacional conta com um grande envolvimento à volta da equipa de todos nós, numa ação que envolva todos os que, de uma forma ou outra, se encontram ligados ao Andebol.

«Sabemos que esta é uma boa oportunidade para Portugal. Estou certo que vamos todos – direção, equipa técnica,clubes, jogadores, adeptos e outros agentes ligados à modalidade – contribuir para que a preparação para estes jogos seja a ideal, chegando a Junho em ótimas condições de lutar pelo apuramento».

Resultado do sorteio para o «play-off» europeu de apuramento para o Campeonato do Mundo – França 2017:

– Suécia : Bósnia Herzegovina
– República Checa : Macedónia
– Polónia : Holanda
– Rússia : Montenegro
– Sérvia : Hungria
– Islândia : Portugal
– Eslovénia : Noruega
– Bielorrússia : Letónia
– Dinamarca : Áustria

NOTA – Os jogos realizam-se a 11/12 de Junho (1.ª mão) e 15/16 de Junho (2.ª mão.

Patrocinadores