Sub-21: Portugal vence Ucrânia e discute amanhã apuramento com a Espanha

PUB

A seleção de sub21 de Portugal acaba de vencer a Ucrânia por 37-32, em jogo da segunda jornada do grupo 7 de apuramento europeu para o Campeonato do Mundo de Sub-21 – Brasil 2015. Ao intervalo, os pupilos de Luís Monteiro levavam cinco golos de vantagem (20-15) depois de uma primeira parte dominada a cem por cento por Portugal, com Miguel Martins a comandar bem a equipa.

A primeira vantagem de três golos favoreceu a turma lusa, aos seis minutos (5-2) e seguiram-se semelhantes diferenças. Aos 14 minutos essa margem tinha já sido ampliada para cinco golos (9-4) e aos 15 minutos, a perder por 11-5, o técnico da Ucrânia solicitou o primeiro ‘time-out’. Portugal chegou com facilidade aos 20-13, não segurando essa vantagem até ao descanso (20-15).

Portugal entrou bem no segundo tempo (24-17), obrigando o treinador ucraniano a pedir novo ‘time-out’ aos 39 minutos, quando a sua equipa perdia por 27-19. No segundo quarto de hora da segunda parte Portugal não foi tão produtivo, permitindo mesmo que a diferença de golos diminuisse até ao 33-29 (50 m.). Muitas falhas de ambas as equipas ditaram um jogo menos bonito nos instantes finais da partida, que terminou com a vitória de Portugal por 37-32.

Miguel Martins, com oito golos; Miguel Batista, com seis; e Diogo Branquinho, Alexandre Cavalcantti e David Carvalho, todos com cinco golos, foram os melhores marcadores de Portugal com a notável curiosidade de, nos dados estatísticos fornecidos pela organização, aparecerem todos com 100% de eficácia!

O boletim de jogo pode ser consultado em anexo.

Marcha do marcador: 7-4 (10 m.); 14-8 (20 m.); 20-15 (30 m.); 28-20 (40 m.); 33-29 (50 m.) e 37-32 (60 m.).

EM DIRETO
«Foi um jogo bem conseguido da nossa parte»

No final do jogo, o selecionador nacional fez a abordagem à partida que a sua equipa acabara de vencer e falou do jogo de amanhã, domingo, diante da anfitriã Espanha.
«Fizemos um jogo bem conseguido, quer em termos de ataque quer nas dinâmicas das fases mais rápidas de jogo – o contra ataque e a reposição da bola em jogo – quer do ataque organizado. Encontramos sempre soluções para bater a defesa da Ucrânia», começou por referir Luís Monteiro.

«Chegamos a estar a vencer por nove golos, que era o segundo objetivo que tínhamos definido já que o primeiro era a vitória, mas depois tivemos dois períodos em dupla inferioridade numérica. Isso limitou-nos e permitiu à Ucrânia aproximar-se um pouco».

Como se previa, tudo fica em suspenso até amanhã, domingo, quando Portugal defrontar a Espanha.

«A Espanha é uma equipa com mais estratégia, recursos diferentes em diversos momentos do jogo. Vai passar pela nossa capacidade de adaptação quer no ataque quer na defesa, nesses momentos. É um jogo, e num jogo só, tudo pode acontecer».

Os espanhóis partem com duas vantagens que não parecem assustar nem o ténico nem os jogadores lusos – joga em casa e teve um dia de intervalo entre o primeiro e o segundo jogos. «A Espanha é terceira classificada do Europeu. É a melhor das seleções que está a disputar este apuramento europeu. Tem a vantagem do fator casa, mas nós tentaremos com as nossas armas combater tudo isso. Vamos fazer o nosso jogo, independentemente daquilo que possa acontecer», garante Luís Monteiro.

Amanhã, domingo, a partir das 16 horas locais (15 h. em Portugal Continental) a seleção portuguesa discute com a Espanha o primeiro lugar no grupo e consequente apuramento para o campeonato do Mundo Brasil 2015.

Os jogos podem ser acompanhados através do streaming em http://www.rfebm.net/index.asp e do Liveticker na página da EHF.

Calendário de jogos do Grupo 7 – Apuramento para o Mundial Sub21 – Brasil 2015

09.01.15, 16h00 – Ucrânia : Espanha, 23-31 (13-11)
10.01.15, 16h00 – Portugal : Ucrânia, 37-32 (20-15)
11.01.15, 16h00 – Espanha : Portugal

Todas as informações sobre a qualificação para o Campeonato do Mundo Sub21 Masculinos Brasil 2015 podem ser encontradas em www.eurohandball.com.

Patrocinadores Institucionais