Campeonato da Europa de Andebol de Praia Sub16 Nazaré 2016 apresentado esta manhã

PUB

O Campeonato da Europa de Andebol de Praia Sub16 Masculino e Feminino Nazaré 2016, evento que terá lugar na praia da Nazaré de 8 a 10 de Julho, foi apresentado na manhã desta terça-feira.

O Forte de São Miguel Arcanjo, mais conhecido por Farol da Nazaré, recebeu a conferência de imprensa, que contou com a presença do presidente da Câmara Municipal da Nazaré, Walter Chicharro, o presidente da Federação de Andebol de Portugal, Ulisses Pereira, o Coordenador Nacional de Andebol de Praia, Mário Bernardes e, ainda, o seleccionador nacional de andebol de praia, Paulo Félix.

Ulisses Pereira deu início à conferência de imprensa, depois da apresentação de um video promocional do Europeu de Andebol de Praia, começou por “dizer, com sinceridade, que nos sentimos capazes de nos lançar a uma candidatura para organizar estes dois campeonatos da Europa porque sentimos que tínhamos um parceiro forte, um parceiro que tem feito da sua praia e da sua região um factor permanente de atractividade às suas terras e que também já demonstrou que tem a qualidade e a competência necessárias para nos ajudar a atingir a excelência da organização que queremos atingir”. O presidente da FAP destacou a importância destas provas: “estes campeonatos da europa são muito especiais, pela primeira vez juntam-se 32 selecções provenientes de 19 países e são campeonatos que vão apurar para o campeonato do mundo de 2017 e que, por sua vez, será a ante-câmara do apuramento para os jogos olímpicos da juventude de 2018, que se realizam em Buenos Aires”. O presidente aproveitou a oportunidade para anunciar, em primeira mão, que Mário Bernardes será o próximo candidato da FAP a integrar os órgãos sociais da Federação Europeia de Andebol (EHF).

Walter Chicharro começou por dizer que “tem sido um gosto trabalhar com toda a estrutura da federação neste projecto, que é mais um projecto que demonstra a grande capacidade que a Nazaré tem de organizar eventos internacionais. Aquilo que é a proposta de valor que aqui queremos apresentar vai acrescentar valor aos campeonatos da europa, vai fazer desta terra que é a praia mais internacional do país e, permitam-me essa imodéstia, vai fazer desta terra o centro do andebol europeu nos próximos dias do início de Julho.”. O presidente do Município disse ainda que “a Nazaré é bem mais do que só ondas, é bem mais do que gastronomia, é multifacetada e é para isso que servem estes eventos”, garantiu e acrescentou ainda que “se enquanto presidente da Câmara é muito importante receber aqui este evento, enquanto homem do andebol é extremamente reconfortante”, contou Walter Chicharro, que também já foi praticante de andebol e de andebol de praia.

Depois foi a vez de Mário Bernardes intervir: “As expectativas, em termos internacionais e de todas as selecções que vão estar aqui presentes são elevadíssimas. Aqui também se conseguiu uma simbiose perfeita, que é associar este evento desportivo ao turismo, o que é imprescindível. A aderência a este evento foi facilitada pelo facto de ser na Nazaré – temos 16 selecções masculinas e 16 selecções femininas e tivemos de deixar selecções de fora. Aumentámos o quadro competitivo, que inicialmente era de 12 + 12 selecções. É o maior evento de sempre de Andebol de praia a este nível, com quatro campos de andebol de praia, o que nunca aconteceu. Em termos de assistência não se vai resumir só à Europa. Vamos ter observadores do Brasil, Argentina e Qatar”, deu a conhecer o coordenador nacional de andebol de praia.

Paulo Félix destacou as excelentes condições de preparação: “nunca tivemos uma preparação tão bem estruturada, desde Março que estamos a observar atletas. Esta preparação passou pelo Norte, Sul e pela Madeira. Ao todo tivemos 116 atletas observados”, disse o seleccionador nacional, que terminou apresentando uma lista alargada de convocados das selecções de sub16 masculinas e femininas, que no início do estágio, a 21 de Junho, será reduzido a 12 atletas e, depois, em Julho, aos 10 convocados finais.

As convocatórias alargadas podem ser consultadas aqui, em anexo.

Os quatro primeiros classificados do Europeu de Andebol de Praia Sub16 vão qualificar-se para o Campeonato do Mundo de Andebol de Praia Sub17, que se realizará em 2017 num local a indicar pela IHF.

Os três primeiros classificados do Campeonato do Mundo de Andebol de Praia Sub17 apuram-se para os Jogos Olímpicos da Juventude, em Buenos Aires, na Argentina, em 2018, naquela que será a estreia do Andebol de Praia nos Jogos Olímpicos.

Patrocinadores