Campeonato Andebol 1: FC Porto impõe derrota ao SL Benfica e lidera isolado

PUB

Foi com lotação esgotada que o Dragão Caixa recebeu o clássico entre FC Porto e SL Benfica, relativo à quarta jornada da Fase Final do Grupo A do Campeonato Andebol 1. O jogo começou a grande velocidade, com as duas formações a não desperdiçarem os primeiros ataques (2-2). Perto dos dez minutos e depois do equilíbrio inicial, o FC Porto conseguiu, pela primeira vez, dois golos de vantagem (6-4), mas com três golos consecutivos, os encarnados chegaram a dar a volta ao resultado (6-7). Os comandados de Ricardo Costa reagiram e voltaram a assumir a liderança (8-7) e, com vinte minutos jogados, um golo de Daymaro Salina colocou o FC Porto com uma vantagem de três golos (12-9). Com novo parcial de 0-3, o Benfica voltou a empatar as contas (12-12). O jogo prosseguiu com grande intensidade e sucessivos empates; no último minuto, o Benfica marcou dois golos e o Porto, que fechou as contas da primeira parte mesmo em cima do apito final, saiu para intervalo a perder por 15-16. A segunda parte recomeçou com o mesmo equilíbrio e intensidade da primeira parte; os encarnados seguraram a vantagem nos primeiros dez minutos, altura em que o Porto repôs a igualdade para depois a inverter o resultado (22-21) e, depois de novo empate, o Porto fez 3 golos sem resposta e voltou a assumir o comando do marcador (25-22). À entrada dos cinco minutos finais, o FC Porto ficou a jogar em inferioridade numérica, mas, ainda assim, aumentou a diferença sobre o adversário (28-24). Apesar do grande empenho de Hugo Laurentino em negar o golo ao adversário, o Benfica ainda reduziu, mas o FC Porto garantiu a vitória no clássico, por 30-27. Belone Moreira (SLB) foi o melhor marcador no Dragão Caixa, com 8 golos.

Em Lisboa, o Madeira Sad inaugurou o marcador no Municipal do Casal Vistoso, mas poucos minutos depois o Sporting CP deu a volta ao resultado (2-1), numa partida em que os guarda-redes das duas equipas entraram muito bem. O jogo seguiu muito equilibrado e, depois de ter estado a jogar em superioridade numérica, a equipa de Hugo Canela, com um parcial de 4-0, adiantou-se no marcador e, aos 12 minutos, vencia por 9-5, o que levou Paulo Fidalgo a pedir o primeiro “time-out” da partida. Mas a formação leonina manteve a liderança e, a cinco minutos do intervalo, dilatou a diferença para sete golos (18-11). Até ao intervalo, Hugo Canela deixou de poder contar com Michal Kopco, que viu o cartão vermelho no derradeiro minuto, mas o Sporting CP saiu para o descanso a ganhar por 21-13. No retomar da partida, o Madeira Sad entrou a aproveitar a vantagem numérica inicial e a marcar (21-15); o Sporting CP foi mantendo a vantagem, mas a formação madeirense entrou decidida a recuperar, no segundo tempo e reduziu a diferença (26-21), mas a formação leonina reagiu à pressão madeirense e dilatou, novamente, o resultado no marcador (30-22). A equipa de Paulo Fidalgo entrou nos dez minutos finais a perder 30-25, depois de três golos seguidos e o técnico sportinguista pediu novo “time-out”. Mas a formação madeirense empenhou-se na recuperação e, já no último minuto de jogo, reduziu até à diferença mínima (35-34). No entanto, apesar da notável recuperação do Madeira Sad, o Sporting CP não deixou escapar o triunfo, que confirmou com um golo mesmo a fechar o jogo. Fábio Magalhães (AM Mad. A. Sad), com 11 golos, foi o melhor marcador da partida.

O Águas Santas Milaneza venceu, esta noite, em Braga, por 29-32, naquela que é a primeira vitória da equipa de Paulo Faria na Fase Final do Grupo A. O ABC/UMinho entrou melhor no jogo (4-1), vantagem que manteve nos primeiros dez minutos da partida. O Águas Santas Milaneza chegou ao empate (7-7), mas consentiu cinco golos sem resposta aos bracarenses (11-7). O ABC/UMinho liderou o marcador quase até ao fim da primeira parte, mas os comandados de Paulo Faria voltaram a empatar as contas, resultado com que as duas equipas foram para intervalo, 13-13. O Águas Santas Milaneza esteve, pela primeira vez, em vantagem logo no início da segunda parte, que ficou marcada pelo grande equilíbrio em campo e sucessivos empates, com alguma vantagem para a equipa visitante; a quinze minutos do fim, o resultado era 22-22 e, nos dez minutos finais, o Águas Santas Milaneza assumiu definitivamente o comando do marcador e o ABC/UMinho já não conseguiu recuperar. Com 8 golos marcados, Elias António (ASM) foi o melhor marcador do jogo.

Campeonato Andebol 1 – Fase Final – Grupo A – quarta-feira, 12.04.17 – 4ª jornada

– Sporting CP : AM Madeira A. Sad, 36-34 (21-13)
– FC Porto : SL Benfica, 30-27 (15-16)
– ABC/UMinho : Águas Santas Milaneza, 29-32 (13-13)

O calendário completo do Campeonato Andebol 1, bem como todos os resultados e classificação, podem ser consultados no Portal, em Competições Nacionais.

Acompanha-nos através do Facebook oficial da Federação de Andebol de Portugal

Patrocinadores