Taça de Portugal Feminina: Colégio de Gaia/Toyota conquista última vaga na Final 4

PUB

O Pavilhão do Funchal esteve composto para receber o duelo entre Madeira SAD e Colégio de Gaia/ Toyota, um embate que envolvia grande expectativa de parte a parte, pelo histórico entre os dois clubes e pela posição que ocupam no Campeonato 1ª Divisão Feminina.

O Colégio de Gaia/Toyota entrou melhor no encontro e inaugurou o marcador através de Patricia Lima, que viria a ser uma das melhores jogadoras do encontro, mas Mihaela Minciuna conseguiu igualar o encontro. Seguiram-se empates sucessivos, no entanto, a turma de Paula Marisa Castro, com um parcial de 3:0 conseguiu descolar no placar e as pupilas de Sandra Fernandes não conseguiram recuperar até à saída para o intervalo, que se deu com 13:17 no placar.

Na reentrada do jogo, o Colégio de Gaia/Toyota esteve melhor, mas após time-out pedido por Sandra Fernandes, a cabeça do Madeira SAD voltou ao jogo, e a formação insular conseguiu diminuir a diferença, reduzindo para 25:28, a três minutos do final. No entanto, as madeirenses acabaram por perder o foco e permitiram ao Colégio ampliar a diferença e averbar uma vitória por 26:31. Patrícia Lima, com 11 golos, foi a melhor marcadora do encontro, com destaque também para as guarda-redes das duas formações, Mónica Correia e Isabel Cardoso, do Madeira SAD e Colégio de Gaia, respetivamente.

ARC Alpendorada, CS Madeira e NAAL Passos Manuel na Final 4

A disputa do acesso, à Final 4 da Taça de Portugal Feminina, começou no sábado, em Alpendorada, com a formação de Hugo Vieira a receber o Batalha AC, numa partida que se antevia com algumas dificuldades para a formação visitante. O ARC Alpendorada entrou muito forte no encontro e conseguiu quatro golos de vantagem na saída para o descanso, com 15:11 no placar. No segundo tempo, o Batalha ainda tentou contornar o resultado, mas sem sucesso, com o Alpendorada a carimbar o acesso à Final 4 da Taça de Portugal, com uma vitória por 30:22. Inês Pires, do Batalha AC, foi a melhor marcadora do encontro, com 10 golos.

De seguida, a Assomada recebeu o CS Madeira, no Pavilhão Carlos Queiróz, numa partida com um primeiro tempo bastante equilibrado e com as formações a saírem para o descanso com um empate a 10 golos no placar. No entanto, no segundo tempo, a formação de João Florêncio começou a apresentar algumas dificuldades e a turma orientada por Marco Freitas conseguiu estar mais forte e carimbar uma vitória por 25:21, com a ajuda preciosa de Cláudia Aguiar, que com 7 golos, foi a melhor marcadora do encontro. O CS Madeira conquista assim o acesso à Final 4 da Taça de Portugal Feminina.

No final do dia, a Escola Quinta de Marrocos recebeu o duelo entre NAAL Passos Manuel e ABC UMinho, numa partida que até começou favorável à formação bracarense, no entanto, a turma lisboeta acabou por passar para o comando do marcador, e saiu para o intervalo a vencer por 14:10. No segundo tempo, o ABC tentou por diversas vezes a aproximação mas sem sucesso, com a defesa do Passos Manuel a estar nos seus dias. Mariana Faleiro foi a melhor marcadora, com 9 golos, no dia em que o NAAL Passos Manuel carimba o acesso à Final 4 da Taça de Portugal Feminina.

Calendário de jogos – Taça de Portugal Feminina – 1/4 Final

30.03.19, 17h00 – ARC Alpendorada : Batalha AC, 30:22 (15:11)
30.03.19, 17h30 – ASS Assomada : CS Madeira, 21:25 (10:10)
30.03.19, 19h00 – NAAL Passos Manuel : ABC/UMinho, 26:20 (14:10)
31.03.19, 16h00 – Madeira Sad : Colégio de Gaia/Toyota, 26:31 (13:17)

Acompanha-nos através do Facebook Oficial, Instagram ou Twitter.

Patrocinadores