Paulo Pereira renova vínculo com a Federação de Andebol de Portugal até 2024/2025

PUB

Treinador que comanda os Heróis do Mar desde 2016, incluindo na inédita qualificação para os Jogos Olímpicos, vai continuar a orientar os destinos da Seleção Nacional até 2025 em contrato assinado, esta tarde, no Porto.

Na tarde desta terça-feira, na cidade do Porto, Miguel Laranjeiro, Presidente da Federação de Andebol de Portugal, e Paulo Pereira, Selecionador Nacional que fez história ao leme dos Heróis do Mar, firmaram o contrato de renovação por mais dois anos, até 2025.

O treinador de 58 anos, natural de Amarante, iniciou o seu percurso no comando da Seleção Nacional A Masculina de Andebol em 2016, qualificando-se para o três Campeonatos da Europa (2020, 2022 e 2024), dois Campeonatos do Mundo (2021 e 2022) e, ainda, pela primeira vez, para os Jogos Olímpicos de 2020; tratando-se do maior número de qualificações consecutivas conquistadas pelos Heróis do Mar, desde que há memória.

O dirigente máximo do andebol português, Miguel Laranjeiro, realçou que este é, sem dúvida, a ocasião para renovar este vínculo com o técnico: “Este é um momento certo para a renovação da ligação do selecionador nacional, Professor Paulo Pereira, com a Federação de Andebol de Portugal. Depois da confirmação da sexta presença consecutiva numa fase final, de termos marcado presença nos Jogos Olímpicos de Tóquio, dos sucessos nas classificações de Portugal nos últimos anos e de um trabalho de equipa com toda a estrutura da Federação de Andebol de Portugal – este era o momento e uma consequência natural desse mesmo trabalho. Gostaria de agradecer o trabalho do Selecionador Nacional, Paulo Pereira, ao longo dos últimos anos, pois tem contribuído para uma imagem muito positiva do Andebol Português.

Miguel Laranjeiro deixou, ainda, uma palavras sobre a ambição da Direção da Federação de Andebol de Portugal e da equipa técnica que comanda os destinos de Portugal, de elevarem ainda mais o nome do País: “Iremos continuar a trabalhar, porque temos muito para fazer e conquistar, pois nunca falta a ambição na Federação. É isto que nos liga – a ambição por uma força cada vez maior do Andebol Português. Com o seu trabalho e da equipa que o acompanha, tem sido possível concretizar os objetivos da Federação traçados desde 2016 – colocar Portugal no primeiro grupo do andebol europeu e mundial. Temos um grande futuro pela frente e já estamos a trabalhar no EHF Euro 2024, na Alemanha, para que possamos ter a possibilidade da presença no torneio pré-olímpico, mas também na qualificação para o IHF World Championship 2025, que começa esta época.”

Paulo Pereira, Selecionador Nacional, mostrou-se ambicioso nesta renovação até 2025: “É com muito orgulho que continuo à frente dum projeto que já é longo, tem sido cansativo mas muito gratificante. Seguiremos na mesma linha de trabalho e de procura de mais êxitos, no sentido de continuar a gerar a esperança que todos necessitamos. Temos o Campeonato da Europa aí à porta, portanto já estamos a pensar nisso, de forma a atingir mais um objetivo difícil que é chegarmos ao Main Round e depois, perseguirmos o objetivo primordial que é conseguirmos estar nos Jogos Olímpicos de Paris, em 2024.”

A Seleção Nacional A Masculina disputará, na próxima época, a qualificação para o IHF World Championship 2025 e, já conhece os adversários para o próximo EHF Euro 2024, que terá lugar na Alemanha, em janeiro próximo.

Portugal sobe sete posições desde 2016 no Ranking de Seleções Nacionais (2023/2024)

Os Lusos que, em 2016, se encontravam na 18ª posição, ascenderam até ao 11º lugar esta época, ficando atrás da Eslovénia, Islândia, Croácia, Hungria, Noruega e França e do top 3, composto por Espanha, Suécia e Dinamarca, esta última que se encontra no primeiro lugar.

Este Ranking teve em consideração a classificação final nos três mais recentes grandes torneios internacionais de andebol, nomeadamente o IHF World Championship de 2021 e 2023 e o EHF Euro 2022, incluindo os respectivos jogos de qualificação.

Ranking EHF National Men’s Teams – 2023/2024

Patrocinadores Institucionais