Carpathian Trophy 2023: Portugal estreia-se com derrota frente à Áustria

PUB

Primeiro encontro do Torneio em Bistrița, na Roménia, trouxe dissabor para as Lusas que perderam para as atletas oriundas da “Terra da Música”.

7 Inicial: Isabel Góis, Carolina Monteiro, Maria Unjanque, Patrícia Lima, Bebiana Sabino, Luciana Rebelo e Patrícia Rodrigues

A Seleção Nacional A Feminina fez a sua estreia no Carpathian Trophy esta tarde na Teleplast Arena, em Bistrița (Roménia), frente à congénere austríaca e, apesar de ter começado com bola, Portugal acusou muito nervosismo na entrada do encontro. Sem a presença do treinador José António Silva, presente no EHF Scientific Congress, que se juntará mais tarde à comitiva na Roménia. Após várias tentativas de golo sem sucesso, algumas das quais paradas por Petra Blazek – guardiã da Áustria – as lusas viram-se a perder por 4-0 antes que Patrícia Rodrigues inaugurasse o marcador para Portugal, à passagem dos seis minutos. O golo da ponta deu o mote para um parcial de três tentos sem resposta mas com 10 minutos decorridos a Áustria mantinha a distância a dois (6-4). Luciana Rebelo – única atleta portuguesa a disputar a EHF Champions League – reduziu para a margem mínima e, após diversos momentos sem golos, Carolina Monteiro estabeleceu a igualdade. As lusas acabaram por passar para o comando, pela primeira vez, a meio do primeiro tempo, mas a cambalhota no marcador voltou a surgir, ao que se seguiram empates sucessivos, levando o técnico austríaco a pedir time-out. De seguida, foi a vez de Portugal parar o encontro, quando a desvantagem se mantinha mínima, mas quem foi feliz foi a Áustria, que ampliou para números dilatados

Intervalo: 16-12

Na entrada para a segunda metade, Portugal mostrou uma ligeira retoma mas não conseguiu reduzir até bem perto do nono minuto, altura em que Nádia Rodrigues colocou as contas a 18-15 mas a Áustria respondeu em dobro e levou o encontro a sete golos de diferença (22-15), obrigando Serafim Borges a parar o encontro. O time-out revelou-se infrutífero para a formação das Quinas que viu a congénere austríaca ampliar o diferencial para nove (27-18) e a manter a toada até ao final do encontro, com a ajuda de Lena Ivancok na baliza, que terminou o encontro com 50% de eficácia.

Resultado Final: 32-20
MVP:
Patrícia Lima – 3 golos e 3 assistências
Top Scorer:
Patrícia Rodrigues – 5 golos

Patrícia Rodrigues destacou a baixa eficácia de finalização lusa como um dos principais factores para o desaire e afirma que o grande objetivo de sexta-feira é melhorar esse registo negativo:

“Acima de tudo acho que o principal factor que ditou a derrota foi a finalização aos 6 metros. Quando temos cerca de 29 remates falhados, no nível internacional é impossível ganhar. E aliado a isso, cometemos um elevado número de falhas técnicas e isso condicionou-nos bastante o jogo. Agora é trabalhar para melhorar a eficácia e evitar estes erros para que os resultados possam ser melhores. (…) Para o jogo de amanhã (sexta-feira) o principal objetivo é diminuir as falhas técnicas e remates falhados e, claro, termos uma boa defesa para depois conseguirmos construir o nosso ataque.”

A Seleção Nacional defronta esta sexta-feira a Roménia, seleção anfitriã, pelas 17h30. A participação lusa termina este sábado, depois do embate com a Suíça, agendado para as 13h00 (horas portuguesas).

Carpathian Trophy 2023
Calendário:
23.11.2023 – 13h00 – Áustria x Portugal, 32-20 (16-12)
23.11.2023 – 15h30 – Roménia x Suíça
24.11.2023 – 13h00 – Suíça x Áustria
24.11.2023 – 17h30 – Roménia x Portugal
25.11.2023 – 13h00 – Portugal x Suíça
25.11.2023 – 15h30 – Roménia x Áustria

De recordar que a Seleção Nacional A Feminina já realizou dois de seis jogos do EHF Euro 2024 Qualifiers – ambos com desfechos negativos – frente Países Baixos e Chéquia. Portugal continua na luta por um lugar no Campeonato da Europa, que se realizará na Áustria, Hungria e Suíça de 28 novembro a 15 de dezembro do ano 2024.

Patrocinadores Institucionais