EHF Euro 2024: Martim Costa eleito Melhor Lateral Esquerdo da competição

PUB

Internacional português de 21 anos superou a concorrência de peso e garantiu um lugar de sonho numa All-Star Team composta por atletas consagrados de seis nações diferentes.

Também se fala português na All-Star Team do EHF Euro 2024. Martim Costa, de apenas 21 anos, foi eleito o Melhor Lateral Esquerdo da competição depois de uma campanha sensacional a nível individual, que se revelou decisiva para que Portugal tivesse garantido o 7.º lugar, na Alemanha. O internacional luso, que realizou o primeiro Europeu sénior, superou uma concorrência de peso, num lote de atletas encabeçado pela super-estrela Nikola Karabatić (França), para além de nomes como Simon Pytlick (Dinamarca) ou Julian Köster (Áustria). A última vez que Portugal esteve representado na All-Star Team remonta ao Europeu de 2000, quando Carlos Resende – maior goleador português de sempre nesta competição – foi eleito precisamente como Melhor Lateral Esquerdo.

A All-Star Team foi escolhida com base em mais de 20.000 votos dos adeptos na aplicação Home of Handball e nas decisões dos especialistas da EHF.

Martim Costa marcou um total de 54 golos nos sete jogos que disputou neste Europeu e no dia das grandes decisões ainda lidera a lista de melhores marcadores do EHF Euro 2024, podendo conquistar mais um prémio após esta campanha memorável.

Men’s EHF Euro 2024 All-Star Team

Guarda-redes: Andreas Wolff (Alemanha)
Ponta esquerda: Hampus Wanne (Suécia)
Lateral esquerdo: Martim Costa (Portugal)
Central: Juri Knorr (Alemanha)
Lateral direito: Mathias Gidsel (Dinamarca)
Ponta direita: Robert Weber (Áustria)
Pivô: Ludovic Fabregas (França)
Defensor: Magnus Saugstrup (Dinamarca)

Apenas dois atletas da atual All-Star Team repetem presença face a anteriores edições do Europeu: o dinamarquês Mathias Gidsel (segundo prémio consecutivo como Melhor Lateral Direito) e o guarda-redes alemão Andreas Wolff, que fez parte da All-Star Team em 2016, na Polónia, quando a seleção germânica conquistou o último grande título.

O pivô francês Ludovic Fabregas fez parte da equipa All-Star Team nos dois últimos Campeonatos do Mundo, mas esta é a primeira nomeação para a melhor equipa de um Europeu. O mesmo acontece com o sueco Hampus Wanne, eleito Melhor Ponta Esquerda do Mundial de 2021.

O MVP e o Top Scorer da competição serão anunciados após a Final deste domingo, 28 de janeiro, agenda para as 16h45, entre França e Dinamarca.

O jovem internacional português não escondeu a felicidade e deixou uma palavra de agradecimento aos companheiros de viagem, com a garantia de que ainda há metas coletivas a cumprir: “Estou muito feliz por ter ganho este prémio! É um sentimento incrível poder ser eleito o melhor lateral esquerdo, ainda por cima na primeira participação no Campeonato da Europa, apesar de ter estado presente em 2022 mas não ter jogado. É incrível o reconhecimento de muito trabalho e muito esforço, mas não posso deixar de agradecer a toda a equipa, porque me ajudou imenso a vencer este prémio. Agora é continuar o trabalho que temos vindo a desenvolver na Seleção Nacional e tentar qualificar-nos para os Jogos Olímpicos, que é o objetivo.”

Há dois anos, recorde-se, Martim Costa havia sido eleito o Melhor Lateral Esquerdo do M20 EHF Euro 2022, que decorreu em Portugal e no qual a Seleção Nacional sub-20 garantiu a medalha de prata.

Patrocinadores Institucionais