Campeonato 1ª Divisão Feminina: Águias somam três pontos no Funchal

PUB

SL Benfica levou a melhor diante do Madeira SAD no Jogo da Semana e está mais perto da revalidação do título de Campeão Nacional; SIR 1º de Maio CJB vence e sonha com a manutenção.

O CDE Gil Eanes, que já tem a sua época cumprida – com o 1.º lugar do Grupo B garantido – voltou a vencer esta tarde. Desta vez frente ao ARC Alpendorada Heavy OJP – equipa que já sabe que não disputará o Campeonato 1ª Divisão Feminina em 2024/2025 – por 39-25. Também no Grupo B, o SIR 1º de Maio CJB sorriu frente à Juve Lis – adversário direto na luta pela manutenção – e está mais perto de garantir presença no escalão máximo do andebol feminino.

O SL Benfica foi ao Funchal vencer o Madeira SAD por 30-32, aproximando-se na tabela classificativa (44 vs 40), no entanto as Águias têm dois jogos em atraso em relação às Insulares e, por isso, só dependem de si para a revalidação do título de Campeãs Nacionais. O Colégio de Gaia Toyota voltou a vencer, desta vez no dérbi gaiense – frente ao CJ Almeida Garrett – por 28-24. E, no fecho do dia, a ADA São Pedro do Sul conquistou a primeira vitória na Fase Final do Campeonato 1ª Divisão Feminina em casa do ABC UMinho por 22-26.

Madeira SAD – SL Benfica

O Pavilhão do Funchal recebeu o Jogo da Semana, onde tanto Madeira SAD como SL Benfica sabiam a importância do resultado final para as contas do título.

Até foram as Campeãs Nacionais a entrar melhor, com Alexandra Shunu a inaugurar o marcador e Ana Bolzan a manter a vantagem mínima (2-1), mas a aposta desde o apito inicial de António Florido no 7×6 e num sistema defensivo com alguma profundidade começaram a dar frutos. Isabel Góis foi ajudando entre os postes e o Madeira SAD chegou aos três golos de vantagem (5-2) através de Beatriz Barros.

A toada seguiu positiva para as Insulares e, na tentativa de quebrar o bom momento, João Florêncio deu uso ao cartão verde ainda dentro dos dez minutos iniciais e com três golos de diferença no marcador (7-4). Mihaela Minciuna, Alexandra Shunu e Maria Unjanque foram as protagonistas da recuperação encarnada e, já perto do meio da primeira parte foi a lateral angolana – Alexandra Shunu – a devolver a vantagem ao SL Benfica (9-10), que não acontecia desde o 1-2. Ana Bolzan ampliou, assinando golo de costa a costa na baliza vazia, e ‘obrigou’ António Florido a parar o encontro.

Após a paragem técnica, a cambalhota no marcador acabou por se verificar pela mão de Maria Duarte (12-11) – que fechou um parcial de 3-0 – mas a toada seguiu em equilíbrio e Constança Sequeira acabou por devolver a igualdade ao marcador (16-16) a dois minutos do descanso. Na reta final da primeira parte – e com mais uma unidade em campo – as madeirenses reclamaram para si dois golos de vantagem.

Intervalo: 18-16

Neide Duarte marcou para nova diferença de três golos (19-16), mas um parcial de 0-3 – com dois golos de Maria Unjanque e um de Ana Silva – colocaram novamente tudo a ‘zeros’ (20-20) à passagem do minuto 35′. A vantagem ainda voltou a pertencer às da casa, mas as Águias regressaram ao comando… desta vez com dois golos à maior (22-24).

António Florido parou o encontro à entrada do minuto 41, mas as Campeãs Nacionais pareciam ter encontrado o antídoto para parar as insulares. Os três golos de vantagem acabaram por surgir pela mão de Ana Silva (24-27) e, pouco mais tarde foi a vez da outra ponta – Ana Bolzan – registar a marca dos quatro golos (29-25).

À entrada dos dez minutos finais, João Florêncio levou o cartão verde à mesa – com 26-30 no placard – mas foram as insulares a sair melhor e a reduzir para apenas dois golos (29-31) com destaque para Neide Duarte – terminou o encontro como melhor marcadora com oito golos. No entanto, apesar das investidas insulares, as encarnadas não deixaram fugir a vitória.

Resultado Final: 30-32

Com este triunfo, o SL Benfica está agora a quatro pontos do Madeira SAD, mas com menos dois jogos disputados. De relembrar que as Águias haviam vencido o encontro frente ao Madeira SAD na Luz no Grupo A e estão agora mais perto da revalidação do título.

Calendário – Campeonato 1ª Divisão Feminina
Fase Final – Grupo A – 7.ª Jornada
04.05.2024 – 17h00 – Madeira SAD x SL Benfica30-32 (18-16)
04.05.2024 – 18h00 – Colégio de Gaia Toyota x CJ Almeida Garrett, 28-24 (18-9)
04.05.2024 – 18h30 – ABC UMinho x ADA São Pedro do Sul22-26 (9-14)

Fase Final – Grupo B – 4.ª Jornada
04.05.2024 – 16h00 – CDE Gil Eanes x ARC Alpendorada Heavy OJP, 39-25 (20-11)
04.05.2024 – 17h00 – SIR 1º de Maio CJB x Juve Lis, 28-25 (12-10)

Patrocinadores Institucionais