W16 European Open 2024: Portugal de regresso a Gotemburgo na vertente feminina

PUB

Evento inserido no emblemático torneio Partille Cup, na Suécia, vai contar com a participação da Seleção Nacional sub-16 Feminina pela segunda edição consecutiva; França, Suécia, Polónia e Turquia serão os adversários no Grupo C da Ronda Preliminar.

O andebol português vai voltar a estar representado em Gotemburgo, no European Open, um torneio internacional que nasceu em 2005 e que está inserido no emblemático Partille Cup. Desde a primeira edição, que o evento organizado em cooperação com a Federação Sueca de Andebol e a Federação Europeia de Andebol (EHF) abre portas às mais jovens seleções masculinas, em anos ímpares, e femininas em anos pares, ou seja, na edição de 2024 será a Seleção Nacional sub-16 Feminina a representar as cores do nosso país. O W16 European Open 2024 vai decorrer entre 1 e 5 de julho, em três pavilhões na cidade de Gotemburgo, na Suécia.

O sorteio realizado esta quarta-feira, na sede da EHF, em Viena (Áustria), distribuiu as 20 seleções em quatro grupos e definiu que Portugal terá como adversários a organizadora Suécia – e vencedora em 2016 – e ainda a França, a Polónia e a Turquia, no Grupo C.

Sílvia Fernandes, Selecionadora Nacional, vê esta participação lusa como uma excelente oportunidade para a evolução individual e coletiva: “No European Open vamos encontrar excelentes equipas, com provas dadas no andebol feminino, como a Suécia, equipa da casa, ou a França que dispensa apresentações. Nesta fase não estamos à procura de resultados. Procuramos formar atletas para o futuro. Assim, encaramos esta competição como um momento fundamental de aprendizagem e de evolução para as nossas jovens atletas.”

Portugal participa de forma consecutiva neste evento em território sueco, nas duas vertentes, desde 2022, ano em que o evento regressou após dois de interregno devido à pandemia. Em 2022, a Seleção Nacional sub-16 Feminina alcançou o 9.º lugar e no ano seguinte a Seleção Nacional sub-17 Masculina garantiu o 7.º posto.

As sete melhores classificadas do W16 European Open 2024 garantem um bilhete dourado para o European Youth Olympic Festival 2025 (Festival Olímpico Europeu da Juventude) que vai decorrer, em Skopje, na Macedónia do Norte.

17 edições de European Open

“É no European Open que nascem as estrelas de amanhã”. O lema do evento é claro, já que para muitos jovens atletas de vários países, este torneio é a primeira experiência internacional.

Inicialmente dedicado ao escalão sub-18 no feminino, foi apenas em 2018 que passou a contar com as Seleções Nacionais sub-16. Portugal participou nas três primeiras edições (2006, 2008 e 2010) e esteve ausente até 2022, quando regressou para conquistar a melhor posição: o 9.º lugar sob o comando de Artur Rodrigues.

Os anteriores vencedores da edição feminina do European Open são:
– Dinamarca (2006, 2010)
– Noruega (2008)
– Rússia (2012, 2014)
– Suécia (2016)
– Hungria (2018)
– Espanha (2022)

Já no masculino, depois de seis edições referentes ao escalão sub-19, foi em 2017 que houve a mudança para sub-17. As edições de 2020 e 2021 foram canceladas devido à pandemia.

Em anteriores, várias estrelas internacionais que hoje dispensam apresentações, participaram no torneio, tais como: Uwe Gensheimer, Oscar Carlén, Niclas Ekberg, Isabelle Gulldén, Jim Gottfridsson, Aron Palmarson, Nora Mörk, Cristina Neagu, Xavier Barachet, Elisabeth Chavez Hernandez ou Louise Burgaard, entre muitos outros.

Patrocinadores Institucionais