Seleção Nacional sub-18: Portugal volta a sofrer derrota em Odemira

PUB

Comandadas de Sandra Fernandes saem em branco dos dois particulares com a Dinamarca ao perderem este domingo.

O Pavilhão Municipal de Odemira voltou a ser palco do segundo encontro particular entre Portugal e a Dinamarca, no dia seguinte à derrota lusa frente às nórdicas, da geração que venceu a medalha de prata no último W17 EHF Euro 2023.

7 Inicial: Leonor Ramos, Filipa Barbosa, Maria Lopes, Beatriz Barros, Clementine Silva, Matilde Figueiredo e Mariana Rodrigues

As comandadas de Sandra Fernandes entraram em campo melhores do que no dia anterior e uma Leonor Ramos inspirada valeu a Portugal o empate no marcador durante os primeiros quatro minutos, com o golo a surgir para as dinamarquesas, através da marca de castigo máximo. A Dinamarca acabou por chegar ao 2-0 mas Mariana Rodrigues rapidamente equalizou, também de livre de 7 metros, à passagem dos 10 minutos.

A igualdade voltou a acontecer, desta vez a 3 golos, mas as nórdicas voltaram a criar ocasiões para quatro golos de vantagem (3-7) levando à paragem no encontro por parte de Sandra Fernandes, na esperança de re-organizar o ataque luso. Portugal ainda sofreu mais um golo antes de conseguir marcar e com o resultado a 4-9 foi a vez do time-out surgir por parte do adversário.

A reta final do primeiro tempo foi completamente favorável às portuguesas que conseguiram aproximar o encontro, reduzindo a diferença para duas bolas, mas ao soar da buzina houve ainda espaço para um golo da Dinamarca.

Intervalo: 8-11

Na entrada para a segunda metade, Portugal mostrou-se determinado em manter a proximidade e, apesar das dinamarquesas terem conseguido chegar aos três golos de vantagem (10-13), as Lusas saíram na resposta e, já com Joana Candeias na baliza, chegaram ao empate a 13 golos.

Com dois golos à maior (15-13), Portugal forçou o adversário a pedir time-out e o mesmo conseguiu a reviravolta, passando para o comando com um parcial de três golos sem resposta. Seguiram-se largos minutos sem que as Lusas conseguissem tocar a rede adversária, o que acabou por levar a uma vantagem de cinco golos das nórdicas (15-20).

Nos momentos finais do encontro, a Dinamarca liderava a 17-21, ao que se seguiram diversos minutos sem golos, mas as dinamarquesas ainda tiveram tempo para voltar a ampliar e terminaram o encontro com seis golos de vantagem.

Resultado Final: 18-24

Sandra Fernandes mostrou-se mais satisfeita com a performance desta manhã: “Hoje, claramente, que fizemos um jogo mais bem conseguido em relação ao que tivemos ontem. As atletas corresponderam bem ao que nós tínhamos pedido em termos de correções. Em termos defensivos, claramente que estivemos bem melhor, perante uma Dinamarca que demonstrou mais uma vez porque é vice-campeã europeia no escalão, tendo sido superior à nossa equipa, apesar do empenho e vontade que colocámos em campo. Venceram com mérito, mas também quero dar os parabéns às minhas jogadoras.”

Em jeito de balanço a treinadora realçou a importância destes jogos particulares: “Foram dois jogos importantes para este grupo que é muito jovem, mas que tem uma grande margem de progressão, sendo decisivo ter este tipo de confrontos com seleções de grande nível. Estes palcos são sempre importantes para o desenvolvimento e crescimento das atletas, quer desportivamente, quer até em termos pessoais, acrescentando uma maior maturidade. O balanço deste estágio, que contou com dois jogos, acaba por ser positivo, apesar de não termos vencido nenhum jogo com a Dinamarca. Como já afirmei, o futuro não é já amanhã, mas penso que estamos no bom caminho”.

Pode consultar o Boletim de Jogo ao clicar no encontro pretendido.

Jogos Particulares
Calendário:
06.04.2024 – 18h00 – Portugal x Dinamarca, 16-32 (7-19)
07.04.2024 – 11h00 – Portugal x Dinamarca, 18-24 (8-11)

Patrocinadores Institucionais